Diagnóstico Funcional x Diagnóstico Nosológico

Em palestra ministrada aos juízes e desembargadores do estado do Rio Grande do Norte a Dra. Rebeka Borba explica a diferença entre o diagnóstico funcional e o diagnóstico nosológico (diagnóstico da doença) e a importância da utilização da CIF (classificação internacional de funcionalidade) na justiça do trabalho.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s